O que é ser belo?

Você sabe exatamente o que é ser belo? Li um conceito sobre o que é ser belo que vários autores têm utilizado, achei bem interessante e imagino que você achará o mesmo e concordará com ele. “A beleza é a qualidade de algo que é agradável aos sentidos”. Simples e objetiva. Com essa definição evita ficar comparado uma pessoa com outra ou uma coisa com outra. Essa definição de beleza poderá ser traduzida para o famoso ditado popular “A beleza está nos olhos de quem vê”. Concordo plenamente.

E o que isso tem a ver com este texto? Tudo. Sabe-se que a beleza depende de “quem a vê”, de onde e de que época. A beleza não só varia de pessoa para pessoa, mas de local para local e de época para época. Na nossa cultura ocidental contemporânea o ser belo, principalmente para as mulheres tem algo a ver com ser magra ou de corpo torneado. Mas nem sempre foi assim, houve épocas em que as mulheres mais cheinhas eram sinônimas de fartura, de comida na mesa, enquanto que as mais magras eram tidas como “passa fome”.

Quem tem ditado as normas do que é belo em nossa sociedade tem sido as empresas de marketing que trabalham para outras empresas que querem vender os seus produtos. De tanto vermos comerciais com mulheres brancas, magras e altas, achamos que isso é ser belo. As empresas querem vender produtos e empurrar um modelo a ser seguido, assim todos comprarão deles.

Notem uma coisa interessante. Os comerciais mostram mulheres que não são padrão. A média da altura da mulher brasileira é de 1,60m, ou seja, são relativamente baixinhas. Isso significa que por mais que você morra em uma academia você não irá se parecer com aquela modelo famosa, há coisas que são do genótipo (genética). Então, e daí?

Sabe quais são as consequências?

Essa busca pela tal “beleza” é algo natural, todo mundo de certa forma faz. O problema é que há muitas pessoas que estão sofrendo por isso e pior estão adoecendo. Não é incomum vermos nos noticiários e redes sociais garotas que morreram por causa de alguma loucura para emagrecer.

Estar acima do peso não é algo recomendável pela Organização Mundial da Saúde, inclusive estudo para ajudar às pessoas a chegarem ao seu peso desejado. A obesidade pode trazer consequências ruins para a saúde, isso sabemos. Agora outra coisa é morrer literalmente para alcançar um corpo que às vezes é inalcançável.

Esta semana circulou nas mídias sociais uma carta feita por uma mãe que perdeu a sua filha depois que ela ingeriu em excesso um determinado remédio que inibe o apetite. É uma triste realidade que acontece cotidianamente, garotas nem tão acima do peso querendo perder mais e mais peso para se aceitar e para ser aceita.

Caso você seja uma dessas que estão a ponto de enlouquecer por causa do peso eu lhe digo: “Acalme-se”. Não foi em uma só semana que você ganhou esse peso, então também não será nesse tempo que você o perderá. Sentir-se bela é bom, então procure profissionais para lhe ajudar.

Nenhuma ditadura é boa, ditadura aprisiona e escraviza, obriga a fazermos coisas sem pensar. Dica do dia? Liberte-se. Seja feliz hoje do jeito que você é, e se for preciso procure mudanças, mas de forma gradativa e feliz.

Autor: Bruno Costa

Escreva para o Blog do Ciclo CEAP, envie seu artigo para avaliação para o e-mail ciclo@cicloceap.com.br

 

Artigo anteriorPróximo artigo