Guia do terapeuta para os bons pensamentos
26 de abril de 2021
Memória traumática: o cérebro cativo do sofrimento
Memória traumática: o cérebro cativo do sofrimento
27 de abril de 2021
Exibir tudo

Dicas que você, profissional da psicologia deve estar atento ao divulgar o seu trabalho

Hoje em dia ainda é um grande desafio para o psicólogo promover seu trabalho, afinal seu foco é lidar com pessoas que estão, muitas vezes, frágeis emocionalmente. Por isso é necessário manter a empatia, a ética , o profissionalismo e o sigilo necessários em qualquer abordagem dessa carreira.

É fundamental ter em mente que essa questão não tem a ver com sua capacidade profissional. A habilidade em divulgar seus serviços não é algo inerente à sua profissão, por isso não costuma ser trabalhada durante a formação do psicólogo. Sabemos que nas universidades o foco é a aplicação da psicologia e suas teorias mas, na prática, a propaganda se torna uma necessidade e, com isso, quando o assunto é destacar o seu potencial no meio on-line é normal temer ou não saber como fazer.

Visto isso, fica ainda mais evidente a importância de entender as principais regras de publicidade para psicólogos, sempre respeitando as regras do CFP para não sofrer nenhuma punição e ter uma presença on-line efetiva.

Além de seguir as regras do CRP separei algumas dicas para te ajudar nesse processo: 💡

#1 – Tenha um público alvo definido

Na tentativa de atender de modo “geral” e atrair mais clientes, o psicólogo corre o risco de passar a impressão de não ser especializado em nenhum assunto e o resultado acaba se tornando o contrário do esperado. Portanto, descobrir com qual público você irá trabalhar e direcionar atenção para ele é extremamente importante para ter mais chances de atingir suas metas.

Com um público-alvo bem estabelecido, será mais fácil conquistar reconhecimento em determinada área e maiores serão as chances de tornar o seu nome uma referência no mercado.

#2 – Escolha um nome para o seu perfil que represente o seu negócio

Muitas pessoas não dão a devida importância para seu nome de usuário, mas é ele quem diz como as pessoas vão identificar você, se vão lembrar de você e associá-lo ao conteúdo que você oferece. Portanto simplifique, escolha um nome que represente o seu negócio (ex. psicologonomesobrenome).


#3 – Escreva uma Bio estratégica

Afinal, a primeira impressão é a que fica! A Bio é o primeiro contato do seu negócio com quem chega, é o seu cartão de visitas, a porta de entrada que conduz (ou não) à permanência. Você precisa entregar as respostas antes de surgirem as perguntas. Parece bobagem, mas quantas vezes você já entrou em um perfil e não encontrou informações básicas?

Então segue um checklist para você conferir e atualizar seu BIO. Ah, esse checklist vale para qualquer canal! BIO do Instagram, perfil do Facebook, descrição do Linkedin e Youtube…

→ O que você oferece?
→ Para quem você oferece?
→ E, caso você ofereça um produto ou serviço presencial, o local onde você atende?
→ Você também pode acrescentar algumas informações que reforcem sua autoridade no nicho, como projetos que participa, grupos que orienta, no caso de professores, quantidade de alunos e outros resultados relevantes para o seu nicho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *