Fazer várias tarefas ao mesmo tempo diminui a produtividade

A estrutura do cérebro determina nossa visão política?
13 de junho de 2014
Ninguém falou aos jogadores que eles poderiam perder
10 de julho de 2014
Exibir tudo

Fazer várias tarefas ao mesmo tempo diminui a produtividade

Comprometer-se com muitas atividades sobrecarrega memória de trabalho e demanda mais esforço para concluí-las

junho de 2014
Venimo/Shuttestock

Você tem o hábito de responder e-mails, escutar música e falar com o colega de trabalho ao mesmo tempo? Cientistas da Universidade de Groningen, nos Países Baixos, garantem que o cérebro não consegue realizar com eficácia várias tarefas ao mesmo tempo. Em estudo publicado na Human Factor, mostram que alternar tarefas sobrecarrega a memória de trabalho (que armazena informações temporárias) e afeta a produtividade.

O psicólogo especialista em modelagem cognitiva Niels Taatgen e sua equipe pediram a voluntários que trabalhassem em algumas tarefas, com a liberdade de alterná-las o quanto quisessem. Os pesquisadores observaram que essa “autorização” levou-os a mudar constantemente o que faziam, mesmo que isso custasse esforço mental. Como os cientistas esperavam, tal comportamento aumentou o tempo gasto em cada tarefa, o que sacrificou a produtividade. Além disso, os participantes não demonstraram evidência de aprendizagem, ou seja, sua estratégia de alternar tarefas não gerou resultados melhores ao longo do tempo.

Taatgen afirma que comprometer-se com várias atividades simultaneamente na esperança de ser mais eficiente não funciona: é frustrante e contraproducente. “O mais preocupante é o fato de agirmos assim por conta própria, mesmo quando não há exigências externas”, diz. A boa notícia é que evitar distrações na hora de trabalhar e permanecer envolvido com a tarefa, mesmo quando iniciar outra parece a melhor alternativa, ajuda a enfraquecer esse comportamento. “Muitas vezes, basta deixar o material de trabalho secundário longe da vista para manter o foco e não perder a dinâmica produtiva”, conclui. (Com informações da Association for Psychologycal Science).

Fonte: Mente e Cérebro

Cursos Relacionados:

Estresse – diagnóstico e intervenções terapêuticas

Neuropsicologia

Saúde psíquica e trabalho

Terapia Cognitiva

 

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *